Importância de uma vida saudável

01 março

             Oie pitucas e pitucos lindos e gostosos da minha vida. Estou sumida nos últimos tempos (estou bastante envergonhada por isso), e não vou dizer que vou aparecer constantemente a partir de agora porque estaria mentindo, tenho muita coisa pra organizar e aparecer aqui só pra bater ponto não é legal.



              Hoje resolvi escrever sobre algo que não só acontece comigo, mas como acontece com uma grande maioria de pessoas: a perda de uma vida saudável. Deixamos de lado nossa saúde por motivos diversos, desde a correria do dia-a-dia que nos impede de nos alimentar direito ou nos exercitar, seja por preguiça, ou achar que simplesmente não precisa se preocupar com isso (no meu caso um pouco dos três).


(Guardar saladas em potes é uma ótima forma de conservar e dá pra carregar na lancheira)

              No final do ano passado comecei a sofrer sérias dores de estômago, dores horríveis nos rins e diversos outros males. Foi então que comecei acordar pra importância que seria eu começar a prestar mais atenção no que como e no que eu faço (ou deixo de fazer). Não sou fresca com comida, como de tudo e adoro coisas saudáveis (da mesma forma que gosto de besteiras), o meu problema é não ter hora pra comer e muitas vezes pular refeições por falta de tempo, isso fez com minha gastrite tomasse proporções gigantescas . Estava morando longe da faculdade e muitas vezes improvisava qualquer coisa na faculdade pra não ir em casa cozinhar (tremenda furada fazer uma merda dessa). Agora, estou me mudando para o ladinho da faculdade praticamente, e vai facilitar e muito minhas mudanças de habito. Pra quem não tem tempo pra cozinhar e vive comendo na rua, uma dica que dou é carregar uma "marmitinha", isso mesmo, carregar sua comida é algo que faz uma diferença gigantesca e comece a colocar horários nas suas refeições. Devemos nos alimentar de três em três horas, para que nosso metabolismo não fique preguiçoso. Quanto a marmitinha, já estou providenciando a minha lancheirinha pra levar pra faculdade que faço a noite, que ao contrario da UEG fica bem longe da minha casa, então... vamos marmitar (hahaha).



               Se você não tem tempo de preparar suas refeições diariamente, escolha um dia da semana que esteja mais tranquilo e faça as refeições da semana toda e congele, ajuda e muito.



               Outra merda que eu faço é não tomar água, fico um dia inteiro sem tomar água se não tiver ninguém pra me policiar, já imaginam o que deu essa "brincadeira"... fodi com meus rins. Estou aprendendo agora a carregar uma garrafinha com água dentro da mochila (e pela casa haha), e dentro de casa já me sento com a garrafinha do lado, só assim pra poder aprender.



                 Uma dica que quero aproveitar e dar pra quem assim como eu tem sérias dificuldades para beber água é o aplicativo "Beba Água", ele foi desenvolvido para te lembrar a hora de beber água e a quantidade escolhida, ainda fornece um relatório pra ir acompanhando como anda sua melhoria nesse hábito tão saudável. Estou gostando tanto que até compartilhei no meu insta (quem não me segue aproveita e clica aqui e começa seguir).



                 Quanto aos exercícios físicos, é muito necessário que tiremos a bunda do sofá e comecemos a nos movimentar. Não tô falando que é pra tomo mundo sair por ai feito louco e virarem ratos de academia marombados, mas se quiserem isso dou total apoio. A primeiro momento comecem a deixar o carro em casa e caminhar para o serviço ou faculdade, ou comecem a fazer esse percurso pedalando (se não tem um bicicleta, comprem uma logo o meio ambiente e sua saúde vão agradecer), abandonem o elevador e comecem a usar a escada, coisas tão simples que fazem a diferença, e se tiver pelo menos 15 minutos do seu dia pra dedicar a uma caminhada em um parque (ou onde achar melhor) aproveitem e quando menos esperarem esses 15 minutos irão ter se transformado em 30 ou 40 minutos. Algo que estou aprendendo aos poucos é que tempo, a gente que faz.



                O post ficou gigantesco, mas se caso se interessarem pelo tema, posso criar uma categoria só para esse assunto, tentar postar diariamente sobre minhas refeições nas redes sociais, e fazer posts mais detalhados sobre exercícios, alimentação e dicas. Não sou profissional na área, mas tenho estudado bastante o tema e posso tentar transmitir o que venho aprendendo e o que venho escutando dos profissionais que vêem cuidado da minha pessoa.


Beijinhos no coração

Você também pode gostar

3 comentários

  1. Eu não tenho uma vida super saudável, mas acho que até como direitinho, bebo bastante água e ando pelo menos meia hora por dia. Mas tem vezes que essa rotina certinha nem rola, justamente pela falta de tempo!

    Ótimo domingo, Daniela!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
  2. gostei mt do post, devemos ter uma vida mais saudavel pra nossa propria qualidade de vida ser melhor, nos sentirmos melhor etc

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  3. O difícil é preparar as comidas né, mas vale a pena.
    Bjos!
    http://amonailart.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.

Flickr

IMG_20151001_062835108_HDR

Já curtiu?